Protocolo – Changing Minds – Fosfatidilcolina

Continuando o Protocolo Changing Minds , vamos falar hoje sobre Fosfatidilcolina .

Este item do protocolo já é tomado pela  Amanda desde os dois anos.

A Fosfatidilcolina é um fosfolípido que constitui 50% da membrana celular. A membrana é o revestimento de todas as células do nervo que transporta os sinais. Ao utilizar esta substância, o objetivo é tentar curar o cérebro em crescimento de novos neurônios e permitir que eles “disparem”. É como trazer os tijolos para a obra na construção de uma casa. A fosfatidilcolina é formulada com uma proporção de 4:1 de Ômega 6 e Ômega 3 em forma líquida ou comprimidos cápsula.

Aqui no Brasil não consegui achar os óleos Omega com essa composição, então acabamos comprando via Amazon. No Final da explicação vou colocar a foto do óleo para facilitar. Caso queiram saber como faço para solicitar os óleos nos EUA, me enviem e mail que eu explico.

Das dezenas de milhares de moléculas que compõem a vida de uma célula, fosfatidilcolina (PC) se destaca. Provavelmente o mais importante de todos. BodyBio PC é feita apenas de fosfolípidos puros que formam automaticamente lipossomas no ambiente aquoso do corpo, é o mais,  também é formulado com os lípidos essenciais a uma proporção de 4:1.

Atualmente a formula do PC tem uma relação EFA ratio  12:1.   BodyBio PC não só tem uma maior concentração de PC, até 66%, mas também mantém a concentração de EFA no rátio  4:1, uma formula BodyBio exclusiva.

Por fosfatidilcolina para (fos-fa-tide-mal-koleen)

Construir um banco de memória e dobrar o número de neurônios no cérebro – de fato um grande trabalho!

Phosphatidylcholine ( Fosfatidilcolina em  Português )  é o principal bloco de construção para este programa.

Depois de iniciar o tratamento com Ginkgo Biloba você abre a porta para o processo da memória no cérebro. Seções do cérebro que estiveram dormentes todo esse tempo realmente são subitamente despertado.  Você pode esperar que tenha havido alguma degeneração durante este período inativo, e vai exigir muita energia celular para ativar esses neurônios anteriormente não utilizados.

Em segundo lugar, que você incluir Prozac no tratamento você estará gerando um grande número de novos neurônios.  (Você realmente pode dobrar o número de neurônios.) Realizar tudo isso não é fácil!  Com certeza vai precisar de ajuda.  É aí que entra a fosfatidilcolina

A fosfatidilcolina é um componente importante das células cerebrais.

Ele tem quatro funções principais:

  •  O seu papel na manutenção da integridade da membrana celular é vital para todos os processos biológicos básicos
  • Energia altamente concentrada
  • Serve como uma fonte de combustível
  • É um importante sinal gerador

Ele é chamado de “fosfolipídios essenciais” porque o corpo não consegue produzir o suficiente  para as suas necessidades, e deve-se obtê-lo o restante através da alimentação. É essencial para todos, mas especialmente para o indivíduo com síndrome de Down.

Aqui você encontra mais informações.

Beijos   Simone Santiago Marques

 



Deixe um comentário